Caminha e A Guarda realizam “Andainas 2018” para promover candidatura do Rio Minho à UNESCO | Rádio Geice
FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Categoria

21 Fev 2018

Caminha e A Guarda realizam “Andainas 2018” para promover candidatura do Rio Minho à UNESCO

Pedro Xavier

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
  O programa “Andainas 2018”, organizado pelos municípios de Caminha e A Guarda (Espanha), começa a 10 de março e serve como promoção da candidatura […]

 

O programa “Andainas 2018”, organizado pelos municípios de Caminha e A Guarda (Espanha), começa a 10 de março e serve como promoção da candidatura do Rio Minho a Paisagem Cultural da UNESCO. Esta segunda edição do “Andainas” promove 8 circuitos pedestres, a serem realizados entre março e novembro, tanto em território português como espanhol. O primeiro destes 8 eventos é a “Rota Mágica de Oia”, a 10 de março.

Esta candidatura conjunta entre os dois municípios já foi iniciada há “mais de dois anos”, afirmou o presidente da Câmara de Caminha à GEICE, explicando que se trata de uma iniciativa que requer “muito trabalho e muita insistência”. “É um processo necessariamente lento, necessariamente estudado”, afirmou Miguel Alves, mas revelou já terem decorrido “reuniões de parte a parte” entre as diferentes entidades envolvidas além de já ter sido apresentado “um esboço de candidatura junto da UNESCO que está a ser avaliado”.

A organização deste tipo de eventos pretende demonstrar que a candidatura assenta não só na valia “arquitetónica, paisagística e histórica” deste estuário, mas também na relação dos povos galegos e portugueses com o mesmo. “Existe uma relação íntima entre os dois povos. É preciso dizer que esta paisagem foi construída pelo Homem, por isso é uma paisagem cultural”, precisou o autarca.

O “Andainas” vai promover os “Trilhos Passadiços do Vez (Sistelo – Arcos de Valdevez)” em abril, o “Trilho do Vale do Âncora” em maio, a “Rota das Fragas do Eume” (Corunha) em junho, a “Romaria de São João d’Arga” em agosto, o “Trilho Cova da Moura” (Monção) em setembro, o “Monumento Natural Pena Corneira” (Ribadavia) em outubro e termina em novembro com a “Rota PR-G94 Moinhos do Folón e Picón” (O Rosal).

A Câmara de Caminha sublinha que os percursos que vão decorrer em Portugal são gratuitos, contudo a inscrição é obrigatória. O custo de participação vai variar entre os 10 e os 15 euros de percurso para percurso. Os dois municípios assegurarão o apoio logístico e o transporte dos participantes até aos pontos de partida e no regresso das etapas. A ‘Rota Mágica de Oia’ (Pontevedra), que estreia esta edição a dia 10 de março, tem um percurso de cerca de 21 quilómetros. A saída está agendada para as 8H00 e o ponto de encontro é no Mercado Municipal de Caminha. O preço é de 10€ por pessoa, e as inscrições já estão a decorrer.

Últimas Noticias

Últimos Podcasts

online casino Portugal