FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 27 Jun 2019

Festival Internacional de Folclore vai juntar quatro continentes nas ruas de Viana

Grupos de quatro continentes juntam-se a partir de 15 de julho, em Viana do Castelo, para o XXIII Festival de Folclore Internacional do Alto Minho. […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Grupos de quatro continentes juntam-se a partir de 15 de julho, em Viana do Castelo, para o XXIII Festival de Folclore Internacional do Alto Minho. Organizado pela VianaFestas desde 1996, e por uma comissão executiva, o festival conta este ano, ao longo de seis dias, com espetáculos de grupos do Brasil – Sarandeiros, Colômbia – Ballet Folclorico Nacional Jaime Orozco, México – Compañía de Danza Folklorica “México Vivo”, Quénia – Kactas Africa, Índia – Shrustii Multicultural New Delhi e Roménia- The Kolomeika Ensemble.

Além dos mais de 200 dançarinos e músicos estrangeiros, provenientes de seis países além de Portugal, o festival envolve, como é hábito, os grupos de Viana do Castelo, em galas a realizar em locais emblemáticos da cidade, como a Praça da República e o Centro Cultural de Viana do Castelo, para além de desfiles pela cidade.

Com efeito, no programa de 2019, repete-se o “Viana Sensorial”, com exibições de dança em diferentes locais, uma mostra de produtos gastronómicos pelos grupos convidados e exposição dos trajes internacionais.

“Conseguimos, dessa forma, desafiar os cinco sentidos da população e dos turistas para novas realidades. Para sentirem, através da visão e da audição, nas danças, do paladar e do olfato, nos produtos que nos trazem, e pelo tato, com os trajes, o que estes grupos nos trazem”, acrescenta, Maria José Xavier, presidente da Comissão Executiva deste festival e da direção da Ronda Típica de Carreço, há quase 20 anos ligada ao folclore, realçando ainda como nota de destaque, que “os grupos se têm sentido muito bem recebidos em Viana do Castelo, sendo exemplo disso o Grupo Mexicano que nos visita pela segunda vez, tendo em conta que, desde a sua primeira participação, este grupo encetou contatos frequentes com a organização, manifestando uma grande vontade de voltar a este Festival e à cidade de Viana do Castelo, o que se proporcionou este ano, sendo esta a prova maior da diferenciação pela positiva deste festival, ao nível da hospitalidade e do reforço de laços de amizade entre povos e culturas, pilares basilares dos Festivais CIOFF”.

Ao longo da semana, realizar-se-ão seis galas, sendo a gala de encerramento no dia 21 de julho, pelas 22:00, na Praça da República. Todas as galas têm entrada livre.

Da comissão executiva da edição de 2019 fazem parte a Ronda Típica de Carreço, o Grupo Etnofolclórico “Renascer” de Areosa, o Grupo Folclórico de Viana do Castelo, o Rancho Folclórico do Centro Desportivo e Cultural de Outeiro e o Rancho Folclórico das Lavradeiras de Vila franca.

O evento conta com o apoio da Câmara Municipal de Viana do Castelo, da Fundação INATEL, da Associação Mutualista Montepio e o do CIOFF (Conselho Internacional das Organizações de Festivais de Folclore e Artes Tradicionais).

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts