FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 04 Jun 2019

Vianenses convidados a olhar estrelas no céu

No próximo sábado, dia 8 de junho, entre as 21h30 e as 23h30, a Praia Norte em Viana do Castelo, acolhe o evento “Observações do […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

No próximo sábado, dia 8 de junho, entre as 21h30 e as 23h30, a Praia Norte em Viana do Castelo, acolhe o evento “Observações do céu com telescópios: Viana à luz das estrelas”, de entrada livre. O público poderá ver uma variedade de objetos astronómicos através de telescópios, como as crateras da Lua, o planeta Júpiter, o enxame de estrelas de Hércules, a estrela dupla Albireo, e a nebulosa planetária M57.

A União Astronómica Internacional (UAI), responsável pela iniciativa, foi fundada em 1919 e é uma associação de astrónomos profissionais, a maioria com doutoramento. A UAI contém mais de 12.000 membros do mundo inteiro e Portugal conta com cerca de 70 membros ativos.

Os principais objetivos da UAI são fomentar a colaboração internacional entre os astrónomos e desenvolver a educação em Astronomia em todo o mundo. Nesse sentido, a UAI apoia a realização de simpósios internacionais para astrónomos profissionais e alunos de doutoramento anualmente em tópicos diversos.

O Universo contém milhares de milhões de galáxias, como a nossa Via Láctea. Compreender como essas galáxias se formaram e evoluíram ao longo dos 13 mil milhões de anos da história do Universo é um dos objetivos mais importantes da Astronomia moderna. Para atingir este objetivo, os astrónomos fazem observações com os maiores e mais modernos telescópios do mundo para detetarem as galáxias longínquas do Universo, que são galáxias primordiais.

O telescópio ALMA, no deserto do Chile, e o futuro telescópio espacial James Webb Space Telescope (JWST, o sucessor do telescópio Hubble) são instrumentos fundamentais para compreendermos essas galáxias primordiais, já que vão obter as imagens mais nítidas e mais distantes alguma vez obtidas, tanto em luz visível, como em ondas de rádio. Os objetivos deste simpósio passam por reunir os especialistas desta área, para discutir e planear o futuro deste ramo da ciência, e incentivar a colaboração entre astrónomos de vários países e com diferentes especialidades.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts