FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 06 Ago 2019

Festa do Emigrante e Gisela João nas Festas do Concelho de Paredes de Coura

A Festa do Emigrante volta a encher de alegria e afetos esta quarta-feira, dia 7 de agosto, o Museu Regional de Paredes de Coura, antecedendo […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Festa do Emigrante volta a encher de alegria e afetos esta quarta-feira, dia 7 de agosto, o Museu Regional de Paredes de Coura, antecedendo a também muito aguardada noite de fado com Gisela João nas Festas do Concelho, que com muita animação se prolongam até 11 de agosto.

Assim, esta quarta-feira, a Festa do Emigrante começa no Museu Regional de Paredes de Coura com petiscos tradicionais e muita música. Um reencontro animado pelo grupo musical Irmãos & Amigos, bem como pelas Rusgas Sons de Coura e as Rusgas de Courenses em Nanterre e Cenon (França).

O Festival de Folclore no dia seguinte, 8 de agosto, traz este ano ao Largo Hintze Ribeiro o Grupo de Danças e Cantares de Vitorino de Piães (Ponte de Lima), o Rancho Folclórico de São Mamede Troviscoso (Monção), o Rancho Folclórico de Vilarinho das Quartas (Arcos de Valdevez) e o Rancho Folclórico da Associação Cultural e Recreativa e Desportiva de Rubiães, enquanto a noite se prolonga com os acordes da Hugo Band.

Já a noite de sexta-feira, 9 de agosto, convida a um salto até ao Escadório da Igreja do Espírito Santo para ouvir a arrebatadora Gisela João. Com dois discos editados, “Gisela João” (2013) e “Nua” (2016), Gisela João é uma das vozes incontornáveis do fado contemporâneo, sublinhado com a distinção de muitos prémios e o reconhecimento entre os seus pares, bem como com um portfólio ímpar de atuações pelos mais diversos cantos do mundo.

A 10 de agosto, sábado, celebra-se o Dia do Concelho. Dia em que os courenses também evocam os Combates de Travanca, quando em 1662 rechaçaram o exército castelhano e demonstraram a sua fidelidade a D. João IV. A sessão evocativa do Dia do Concelho é no Salão Nobre dos Paços do Concelho, antecedida da apresentação dos livros “500 – Foral da Terra de Coura” e “Paredes de Coura – Estudos Históricos”, de José Augusto Pacheco.

A tarde completa-se com o tradicional cortejo etnográfico, enquanto que domingo, 11 de agosto, está dedicada à majestosa procissão em honra de Nossa Senhora das Dores, com o arraial noturno a fechar as Festas do Concelho com os muito aclamados Kalhambeke, que mais uma vez prometem proporcionar um espetáculo único de animação e iteração com o público.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts