FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 05 Set 2019

Comandante distrital espera “debelar” chamas em Valença nas próximas horas

O comandante operacional distrital de Viana do Castelo, Marco Domingues, disse hoje esperar que “nas próximas horas” seja possível “debelar” o incêndio que lavra desde […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O comandante operacional distrital de Viana do Castelo, Marco Domingues, disse hoje esperar que “nas próximas horas” seja possível “debelar” o incêndio que lavra desde quarta-feira à noite em Valença com o reforço de meios aguardado.

O incêndio mobilizava às 11:15 cerca de 220 homens, auxiliados por 74 viaturas e quatro meios aéreos, afirmou o comandante.

Marco Domingues referiu que aguarda, “entre as 12:00 e as 13:00”, um reforço de meios, “com dois grupos da GNR e bombeiros de Aveiro”.

Apesar do vento forte que “está a dificultar” o combate o incêndio, com uma frente ativa, o comandante distrital espera que “nas próximas horas se consiga debelar” este fogo que consome mato.

“O combate está a decorrer de forma favorável, em perímetro consolidado”, sublinhou.

Neste momento, “não há habitações em perigo”, embora “durante a madrugada, face à proximidade das chamas, se tenha procedido à retirada de alguns idosos das suas habitações, numa ação preventiva e de precaução”, acrescentou Marco Domingues.

O incêndio teve início no lugar de Mosteiro, freguesia de Cerdal, em Valença, tendo já alastrado às freguesias de Gondelim, Gondim e Fontoura.

O fogo deflagrou na quarta-feira às 21:19, de acordo com a página na internet da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC).

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts