FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 09 Set 2019

IPVC preencheu mais de 67 por cento das vagas do Concurso de Acesso ao Ensino Superior

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) preencheu mais de 67 por cento das vagas que disponibilizou para os seus cursos de licenciatura na […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) preencheu mais de 67 por cento das vagas que disponibilizou para os seus cursos de licenciatura na 1ª fase do Concurso de Acesso ao Ensino Superior. Das mais de mil vagas disponibilizadas restam pouco mais de 300 para a segunda fase.

As áreas da Saúde, Tecnologias, Ciências Empresariais, Artes, e Desporto e Lazer foram as mais procuradas não restando vagas para a segunda fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior. Destaque ainda para o aumento dos estudantes que entraram no curso de primeira opção no IPVC.

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo também teve um aumento, significativo, de estudantes Internacionais, mais de duas centenas, a grande maioria oriunda do Brasil, Guiné-Bissau, Cabo Verde, Angola, Moçambique e São Tomé e Príncipe. O IPVC vai ainda dar as boas vindas a alunos provenientes de Timor Leste, Egipto e Síria.

O IPVC regista igualmente um aumento considerável do número de candidatos aos cursos técnicos superiores profissionais (CTeSP) e aos cursos de Mestrado cujos resultados das colocações serão divulgados já na próxima semana.

Calos Rodrigues, Presidente do IPVC, congratulou-se com os resultados desejando sucesso a todos os alunos. “No início de mais um ano letivo, quero deixar, em particular aos novos alunos, uma mensagem de agradecimento pela vossa opção em estudar no IPVC, dar-vos as boas-vindas e deixar os votos de um bom trabalho. O sucesso do teu futuro exige trabalho, dedicação e compromisso, mas, em conjunto com toda a comunidade académica do IPVC, vais conseguir obter uma formação de elevada qualidade que te facilitará a integração no mercado de trabalho”.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts