FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 18 Out 2019

Carlos Meira arrasa Cristas e assume candidatura à liderança do CDS-PP (VIDEO)

Carlos Meira, natural de Viana do Castelo, anunciou, ontem, que se vai candidatar à liderança do do CDS-PP no congresso da sucessão da ainda líder, […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Carlos Meira, natural de Viana do Castelo, anunciou, ontem, que se vai candidatar à liderança do do CDS-PP no congresso da sucessão da ainda líder, Assunção Cristas, marcado para 25 e 26 de janeiro.

Meira, fez uma intervenção crítica da liderança de Cristas no conselho nacional do partido que terminou na madrugada de hoje, em Lisboa na sede do partido.

“Pela primeira vez na minha vida entrei nesta sede. Olhei para todos os quadros que estão nas paredes e só me apetece dizer a muita gente aqui nesta sala: tenham vergonha do rumo que o partido está a tomar”, afirmou.

Na intervenção, Carlos Meira, que já no congresso de 2018 tinha tecido duras críticas Assunção Cristas, acusou a ainda líder do partido de “não respeitar as bases do partido”.

“Você não respeita as bases, acha que é dona disto, e não é. Saia e vá para casa, precisamos de gente que tenha coragem de defender o povo. Não queremos elites. Levou o recado merecido do povo português”, disse Meira, referindo-se aos resultados “desastrosos” das eleições legislativas de 06 de outubro.

Nas legislativas do passado dia 06, o PS recuperou o terceiro deputado pelo círculo eleitoral de Viana do Castelo que tinha perdido em 2015 para a coligação PSD/CDS-PP.

No distrito de Viana do Castelo, com uma média de 231.568 residentes em 2018, o PS foi o partido mais votado, com 34,78% dos votos e três mandatos. Com os resultados das 208 freguesias do distrito apurados, o PSD ficou em segundo lugar, com 33,8% dos votos e três deputados eleitos.

O agora candidato à liderança do CDS-PP pediu ainda “respeito por quem trabalha todos os dias pelo partido”.

O conselho nacional do CDS-PP para marcar o congresso da sucessão de Assunção Cristas demorou seis horas e meia e terminou hoje de madrugada. A realização do 28.º congresso nacional do CDS foi agendado para 25 e 26 de janeiro de 2020, em local ainda a definir.

Militante do CDS-PP desde os 19 anos, o ex-presidente da concelhia do CDS-PP de Viana do Castelo, foi candidato do partido à Câmara da capital do Alto Minho nas eleições autárquicas de 2013

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts