FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Rui Gonçalves 28 Nov 2019

Bienal de Cerveira acolhe exposição em parceria com a Assembleia da República

Organizada pela Divisão Museológica e para a Cidadania da Assembleia da República, com o apoio da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, a exposição itinerante “Joshua Benoliel. Repórter Parlamentar 1906-1924” chega a Vila Nova de Cerveira no próximo dia 2 de dezembro, segunda-feira.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A mostra reúne um conjunto de curiosos registos fotográficos da autoria de Joshua Benoliel, considerado, por muitos, o pai do fotojornalismo português. A itinerância apresenta, até 28 de dezembro, o trabalho do repórter parlamentar, com destaque para um período marcante da vida política nacional – 1906 a 1924.

Dos vários aspetos reportados nas fotos em exposição, destaca-se a figura de Anselmo Braamcamp Freire, que exerceu funções como Presidente da Assembleia Constituinte, Senador e Presidente do Senado. Foi como Presidente da Assembleia Constituinte que Braamcamp Freire, a 21 de agosto de 1911, promulgou a primeira Constituição Republicana.

A sessão inaugural contará com a presença da Divisão Museológica e para a Cidadania da Assembleia da República, e do Presidente da Fundação Bienal de Arte de Cerveira, Fernando Nogueira, sendo ainda de destacar que envolverá a participação de alunos do Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Cerveira.

Nota Biográfica de Joshua Benoliel:

Descendente de uma família judia, Joshua Benoliel nasceu em Lisboa, em 1873, e viveu o período de transição entre a Monarquia e a República, permitindo-lhe fotografar acontecimentos históricos importantes: os reinados de D. Carlos e D. Manuel II, a Revolução Republicana de 1910, os primeiros Presidentes da República, as revoltas monárquicas e a participação do corpo expedicionário português na Primeira Guerra Mundial.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts