FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
admin 21 Nov 2019

Golo do Riba d`Ave a 13 segundos do fim deixa Juventude Viana KO

A Juventude Viana empatou, esta quarta-feira, no Pavilhão Zé Natário (3-3) o seu jogo da 6ª jornada do Campeonato Nacional da 1ª Divisão de Hóquei […]

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A Juventude Viana empatou, esta quarta-feira, no Pavilhão Zé Natário (3-3) o seu jogo da 6ª jornada do Campeonato Nacional da 1ª Divisão de Hóquei em Patins. A equipa de Viana do Castelo esteve perto de garantir a sua primeira vitória na prova, mas caiu a 13 segundos do fim do jogo.

Numa primeira parte sem golos, foi a equipa do Riba d`Ave, que em dois lances de bola parada, esteve mais perto de chegar à vantagem. Primeiro Hugo Azevedo não conseguiu marcar de livre direto a Jorge Correia, e pouco depois, Tomás Pereira não aproveitou uma grande penalidade, que Bruno Guia defendeu. Nas duas situações a equipa de arbitragem (Rui Torres e Paulo Rainha) exagerou ao mostrar cartão azul, a Francisco Silva e Jorge Correia.

Na segunda parte a Juventude Viana conseguiu chegar à vantagem (1-0) com um golo de Gustavo Lima de livre direto, na décima falta da equipa adversária. O Riba d`Ave reagiu ao golo sofrido e foi feliz num remate de longe de Tomás Pereira. A bola, sticada ainda na sua meia pista apanhou vários obstáculos pelo caminho, mas acabou por entrar às três tabelas na baliza de Correia (1-1).

Apesar do golo sofrido, a Juventude Viana passava por um bom momento no jogo e o golo adivinhava-se. Aos 10 minutos, Gustavo Lima voltou a por a equipa da casa em vantagem (2-1) com um remate forte sem hipóteses de defesa para Diogo Fernandes (2-1).

Pouco depois, de bola parada, à 15ª falta do Riba d`Ave, Luís Viana não conseguiu aumentar a vantagem da equipa vianense, mas viria a redimir-se, dois minutos mais tarde, com o terceiro golo de livre direto a castigar uma falta do guardião Diogo Fernandes, também exageradamente expulso (3-1).

Com 9 minutos ainda para jogar e da forma como a partida estava electrizante, a vantagem de dois golos da Juventude Viana no marcador era curta e o Riba d`Ave, que parecia estar a jogar em casa, acreditou que era possível inverter o rumo dos acontecimentos e conseguiu.

Com um forte apoio nas bancadas, a equipa de Hugo Azevedo acreditou e chegou à igualdade, em dois lances precedidos de falta.

Depois de uma grande penalidade defendida por Bruno Guia, os forasteiros ganham a bola, com falta sobre Nuno Santos junto à tabela, lançam o contra-ataque e Hugo Azevedo reduz o marcador (3-2).

O Riba d`Ave voltou a ganhar vida e no último minuto apostou tudo para chegar ao empate. Tirou o guarda-redes, Diogo Fernandes e com mais um homem de ataque voltou a ser feliz com um remate de longa distancia. A 13 segundos do final encontro, Dinis Abreu, rasteirou Francisco Silva e ficou em posição de rematar para o fundo da rede de Jorge Correia. Com a equipa de arbitragem a fazer vista grossa, Dinis fixou o resultado final (3-3).

Mesmo com os erros de arbitragem, que penalizaram mais a equipa da casa, o resultado acaba por ser justo. O Riba d`Ave empurrado pelos seus adeptos acabou por ser premiado no ultimo lance do encontro e a Juventude Viana voltou a não ser competente para segurar a vantagem que lhe podia ter dado a primeira vitória no campeonato.

Resultados 6ª jornada:

AE Física – Paço de Arcos, 0-3
Valongo – HC Turquel, 4-2
HC Braga – Benfica, 4-4
OC Barcelos – FC Porto, 7-4
AD Sanjoanense – Sporting, 2-2
HC Tigres – Oliveirense, 1-5
Juventude Viana – Riba D´Ave, 3-3

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts