FECHAR
Logo
Pedro Xavier 14 Mai 2020

Cáritas de Viana do Castelo está a ajudar cerca de 300 pessoas

Apesar de confinada e em quarentena devido à pandemia instalada na sociedade e ainda porque a maioria dos voluntários das equipas de Atendimento Social serem pessoas de risco, devido ao fator idade, a Cáritas Diocesana de Viana do Castelo continua a apoiar quem dela necessita.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Com efeito, desde que foi declarado o Estado de Emergência, fizeram-se 123 Atendimentos Sociais a famílias e a pessoas singulares que corresponde a 284 pessoas.

Algumas pessoas foram apoiadas pela primeira vez. Viram-se na necessidade devido ao desemprego.

São diversas as ajudas solicitadas e satisfeitas. Desde a distribuição de géneros, ao pagamento de rendas de casa, apoio medicamentoso, oferta de produtos de higiene e pagamento de despesas domésticas (água, luz e gás).

“Receamos que a partir de setembro próximo a situação das famílias se agrave e que surjam mais problemas com novas realidades e carências. Esta crise será ainda pior que as anteriores”, diz a organização.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts