FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 20 Mai 2020

PSD pede demissão de administradora da Águas do Alto Minho

O PSD de Viana do Castelo pediu, esta quarta-feira, em comunicado a demissão e substituição imediata da administradora executiva da Águas do Alto Minho (AdAM) devido aos 15 mil erros de faturação cometidos no primeiro trimestre de atividade da empresa.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

COMUNICADO PSD:

ÁGUAS DO ALTO MINHO: caiu a máscara da Competência, Sr. Ministro!

O PSD de Viana do Castelo, na sequência das informações tornadas públicas pela empresa Águas do Alto Minho, SA no âmbito dos erros grosseiros cometidos no primeiro trimestre de atividade, vem manifestar:

– lamento pelo tardio reconhecimento dos erros, incómodos e prejuízos causados a milhares de clientes em toda a região, o que apenas se verificou após uma tomada pública de posição por parte da Associação de Defesa do Consumidor – DECO, responsabilizando a empresa pela falta de boa recetividade e pela incompetência no atendimento, esclarecimento e resolução das reclamações;

– estupefacção pela quantidade e gravidade dos problemas detetados relativamente à faturação de consumos inexistentes, que prejudicaram mais de 15 000 clientes;

– solidariedade para com os trabalhadores que aceitaram abraçar este projeto e que são hoje os rostos da necessária confiança para o futuro da empresa, nos gabinetes ou ao nível operacional, certamente não responsáveis pelas decisões de gestão.

São acionistas sete municípios do distrito, sendo a participação de Viana do Castelo a mais elevada (25.68% com um investimento inicial de cerca de 1 milhão de euros) e o Grupo Águas de Portugal (51%), pelo que é decisiva e incontornável a responsabilidade destes no futuro da empresa.

Por tudo isto, o PSD de Viana do Castelo exige ao Presidente da Câmara Municipal e ao Sr. Ministro do Ambiente, com a tutela do Grupo Águas de Portugal, que promovam a devida responsabilização da Administração executiva perante os Vianenses, as famílias e todos os agentes económicos do Alto Minho.

Ficaram claramente demonstradas a inexperiência e a incapacidade da Administradora Executiva em corrigir as causas e as consequências de sucessivos erros de Planeamento e de Gestão.

Assim, espera-se que estes, após terem apadrinhado a nomeação da atual Administradora Executiva (único membro em exercício remunerado de funções na Administração), assumam as suas responsabilidades no processo e possam agora promover a sua imediata demissão e substituição.

Certamente que o Sr. Ministro João Matos Fernandes, que não perde uma oportunidade para “ajudar” Viana do Castelo, estará bem mais familiarizado com as competências da Administradora do que os Vianenses e os Alto Minhotos, por força da experiência “profissional” por esta acumulada nos seus gabinetes governamentais entre 2015 e 2019.

Viana do Castelo, 19 de Maio de 2020

A Comissão Política de Secção do PSD de Viana do Castelo

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts