FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 03 Jul 2020

José Maria Costa condecorado com a Medalha da Cruz de São Jorge

O Chefe do Estado-Maior-General das Forças Armadas (CEMGFA), Almirante António Silva Ribeiro, condecorou, esta sexta-feira, o Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, com a Medalha da Cruz de São Jorge, pela política adoptada pelo município vianense em relação ao mar, ao desenvolvimento económico ligado ao mar e às atividades marítimas, e ainda pela política de preservação e divulgação da memória marítima.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Emocionado com a homenagem, o autarca de Viana do Castelo revelou ter ficado surpreso pela distinção. “Tomei conhecimento desta homenagem, entre surpreso e agradecido, quando o Senhor Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas me comunicou pessoalmente a sua intenção da atribuição desta condecoração no início deste ano.

Para mim, este gesto ficará registado na vida do município de Viana do Castelo como o reconhecimento do trabalho desenvolvido pela comunidade vianense na promoção da cultura marítima, na forte cooperação institucional com as Forças Armadas, no desenvolvimento de uma cidadania ativa nos jovens para a sustentabilidade dos oceanos e no aprofundamento das bases de uma economia do mar”.

A Medalha da Cruz de São Jorge é uma medalha militar portuguesa, criada em 22 de dezembro de 2000, que se destina a galardoar os militares e civis, nacionais ou estrangeiros, que, no âmbito técnico-profissional, revelem elevada competência, extraordinário desempenho e relevantes qualidades pessoais, contribuindo significativamente para a eficiência, prestígio e cumprimento da missão do Estado-Maior-General das Forças Armadas (EMGFA).

Foi a penúltima das cinco medalhas privativas a ser criadas, para premiar serviços em prol do Estado Maior General das Forças Armadas. Veio após as 3 medalhas privativas dos ramos, criadas em 1985, e antes da medalha privativa do Ministério da Defesa Nacional, criada 2 anos depois, em 2002.

A cerimónia, realizada a bordo do Navio Gil Eannes, contou com a presença de diversas entidades militares, representantes dos três ramos das Forças Armadas, civis, tanto da autarquia como de instituições locais e de familiares do autarca vianense.

Fotos: Rádio Geice/DR

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts