FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 20 Jul 2020

Museu do Traje refresca imagem para receber Amália Rodrigues e Amadeu Costa

A Câmara Municipal de Viana do Castelo deu, hoje, a conhecer a nova imagem do Museu do Traje, na Praça da República e algumas exposições para os próximos meses. Assim, está prevista inaugurar na próxima quinta-feira, dia 23 de julho, a exposição temporária "Bem Vinda Sejas Amália", patente até 3 de setembro e o "Centenário do Nascimento de Amadeu Costa", a inaugurar a 23 de outubro.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A primeira mostra visa assinalar o centenário de nascimento de Amália Rodrigues. A exposição, que integra o programa nacional de Comemorações do Centenário do Nascimento da fadista, tem o Alto Patrocínio do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

A exposição é organizada pela Fundação Amália, detentora dos direitos de nome e imagem da fadista e que gere a Casa Museu Amália Rodrigues e a Herdade do Brejão, onde Amália passava férias.

Entre outros adereços, estará exposto o traje que a fadista usou em 1998, quando esteve em Viana do Castelo, enquanto Presidente da Comissão de Honra das Festas em Honra de Nossa Senhora da Agonia.

Ainda no mesmo espaço, será inaugurada a 23 de outubro uma exposição para assinalar o Centenário do Nascimento do etnógrafo vianense, Amadeu Costa.

Amadeu Costa sempre assumiu o seu amor pela divulgação dos usos e costumes locais, mormente o traje à vianesa, além da organização das Festas em Honra de Nossa Senhora da Agonia.

Nascido no bairro da Ribeira, mais propriamente na Rua do Loureiro, troço atualmente denominado Rua Monsenhor Daniel Machado, a 23 de outubro de 1920, Amadeu Costa foi um incansável lutador pela criação de um museu dedicado ao traje regional em Viana do Castelo.

No momento da aquisição do edifício do Banco de Portugal para a instalação desse Museu, em 1996, foi ele que organizou a exposição Traje Regional, a primeira que aí se realizou. Também por esta razão, o Museu atribuiu a uma das suas salas o nome de Galeria Amadeu Costa.

Falecido em 1999, a família, num ato de generosidade, estabeleceu com a autarquia vianense um protocolo de doação de uma valiosa coleção de trajes que pertenciam a Amadeu Costa ao Museu do Traje. Esta doação incluiu algibeiras, aventais, saias, coletes, casacas, camisas, lenços, calçado, meias, toalhas e trajes de homem e mulher, enriquecendo o património do Museu do Traje de Viana do Castelo.

De referir ainda, de 23 outubro a 29 novembro, estará patente no Museu do Traje, na Praça da República, a exposição “O Traje no Mundo Infantil”.

Fotos: Rádio Geice/DR

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts