FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 06 Ago 2020

Cerveira e Tomiño apresentam guia para a promoção conjunta do sector da flor e planta ornamental

Os autarcas dos concelhos de Vila Nova de Cerveira e de Tomiño, Fernando Nogueira e Sandra González, respetivamente, aproveitaram uma reunião de trabalho com os representantes de associações do setor da agricultura de ambos países, para apresentar o “Guia para a Promoção Setor Agrário: Flor e Planta Ornamental”, enquadrado no trabalho de dinamização económica transfronteiriça impulsionado pela Agenda Estratégica de Cooperação da Eurocidade.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A edição deste guia resulta de várias iniciativas conjuntas dos dois concelhos, com participação de empresas e de centros educativos de ambos os lados da fronteira galego-portuguesa do Rio Minho. Foi na Mostra de Cultivos do Baixo Miño de 2019 que se promoveu um encontro transfronteiriço sobre formação e emprego que reuniu sócios de acuBam (Asociacións de Cultivos do Baixo Miño) ou a Associação Portuguesa de Produtores de Plantas e Flores Naturais (APPPFN), do IES Antón Alonso Ríos e da Escola Agraria do IPVC, em Ponte de Lima. Posteriormente, no passado mês de setembro, 30 empresas da Península Ibérica e de outros três países europeus (Reino Unido, Bélgica e França) participaram da Missão Comercial Inversa que explorou possibilidades de negócio e de projeção exterior com o tecido produtivo transfronteiriço.

A presente publicação recolhe as conclusões destas atividades e a informação básica relativa à dimensão do setor no Baixo Miño e no Norte de Portugal, assim como sobre os centros educativos e titulares relacionados com a agricultura no território da Euroregião. O guia, disponível para download em https://eurocidadecerveiratomino.eu/economia, agrega também eventos como a Mostra de Cultivos do Baixo Miño ou a Lusoflora, não descurando os esforços em prol da inovação das empresas implicadas neste setor produtivo. Apresenta ainda um capítulo com os compromissos do setor agrário para um desenvolvimento sustentável com base nos 17 objetivos estabelecidos pela ONU neste âmbito e encerra com um diretório de empresas.

A alcaldesa de Tomiño, Sandra González, agradeceu a colaboração das associações profissionais e expressou a sua expetativa de que, “nas atuais circunstâncias de crise social e sanitária, o guia possa ser útil para dar um impulso à recuperação da economia, onde se integra o setor agrícola dedicado ao viveirismo, à hortofruticultura e à flor cortada”. Por sua vez, Fernando Nogueira salientou a importância da manutenção e ornamentação dos espaços verdes. “Para nós, o desenvolvimento económico deve basear-se na complementaridade e não se pode entender sem a colaboração entre instituições públicas, agentes económicos e sociais. 

O projeto Agenda Estratégica de Cooperação Transfronteiriça Amizade Cerveira-Tomiño é cofinanciado a 75% pelo programa INTERREG VA POCTEP, através de fundos FEDER da União Europeia.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts