FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 19 Ago 2020

Presidente da Câmara de Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa em Viana do Castelo

A Presidente da Câmara de Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa (CCLBL), Chantal Sohier, visitou hoje Viana do Castelo, tendo sido recebida pelo Presidente da Câmara Municipal, José Maria Costa, pelo Presidente da Associação Empresarial de Viana do Castelo, Manuel Cunha Júnior, e pelo Vereador da Área Económica, Luís Nobre.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Esta visita decorre no âmbito da preparação, no próximo ano, de uma missão económica belga a Viana do Castelo para aprofundar a cooperação económica nos domínios da economia circular, energias renováveis e das novas tecnologias da informação.

Na reunião, ficou ainda agendada para o final do ano de uma visita da Embaixada da Bélgica e da Câmara de Comércio ao Alto Minho.

A Câmara de Comércio Luso-Belga-Luxemburguesa abarca uma rede de profissionais das mais diversas áreas de negócio, com o objetivo de potenciar e incrementar as relações comerciais entre os três países que representa, pretendendo fomentar ativamente o networking.

Recorde-se que o Município de Viana do Castelo, através do autarca, tem vindo a desenvolver uma política de diplomacia económica e promovido o concelho e o reforço das ligações deste com outras localidades e países, promovendo a visita de diversos embaixadores e líderes ao concelho.

O edil vianense, José Maria Costa, defendeu, recentemente, que o Município de Viana do Castelo e a cidade atingiram já um patamar de desenvolvimento económico que permitem olhar a internacionalização com confiança e, acima de tudo, como oportunidade de alargamento de base territorial empresarial. “Esta tem sido a política seguida pela autarquia que, através das redes de cooperação nacional e internacional, tem vindo a colocar Viana do Castelo como uma cidade reconhecida nas suas diferentes áreas de especialização, mas também criando melhores oportunidades para projetos e ações que dependem muitas vezes das redes e dos investimentos em cooperação com outras cidades”, indicou.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts