FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 19 Nov 2021

Teatro de Cabo Verde este sábado no festival de Viana do Castelo

O Grupo de Teatro do Centro Cultural Português do Mindelo apresenta este sábado, em Viana do Castelo, a peça “As Palavras de Jó”, uma das mais representadas da companhia.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

A peça sobe ao palco do Teatro Municipal Sá de Mirando a convite da Centro Dramático de Viana – Teatro do Noroeste para encerrar o Festival de Teatro de Viana do Castelo, que pela primeira vez abre as portas a grupos internacionais, disse à Lusa o ator e encenador do grupo, João Branco.

“Fomos convidados a estar presentes com o espetáculo ‘As palavras de Jó’ e é com esta peça que iremos ter a honra de encerrar do festival, no Teatro Sá de Miranda, que é um belíssimo teatro no norte de Portugal”, explicou.

João Branco disse-se honrado em representar Cabo Verde, mais uma vez, com esta peça, a mesma que já levou para diferentes pontos, em diversos momentos, o que diz ter contribuído também para a internacionalização do teatro cabo-verdiano.

“Mais uma vez é uma honra poder representar o teatro cabo-verdiano fora do nosso país. Já fizemos mais de cinquenta apresentações em festivais internacionais, esta é mais uma e esperamos que as pessoas levem uma excelente imagem do teatro cabo-verdiano”, explicou o ator, que interpreta a personagem principal.

Com um elenco reduzido e um espetáculo pequeno em dimensão, João Branco explicou que isso garante mobilidade: “É um espetáculo onde entro como ator, não gosto de dizer que é um monólogo, porque é um diálogo entre a personagem e a música, tenho no palco, na cena ao meu lado o meu colega Nuno Tavares, um excelente músico e guitarrista cabo-verdiano e outro colega na técnica. Ou seja, somos uma equipa de três pessoas, mas para fazer um grande espetáculo, estamos absolutamente convencidos disso”.

João Branco estreou “As Palavras de Jó” em 2016 e desde então conta mais de 40 apresentações no Brasil, Portugal e Cabo Verde. No período do confinamento, devido à pandemia de covid-19, esteve em apresentações em direto nas redes sociais.

“É um espetáculo que já foi muito rodado, até dentro daquilo que é o nosso histórico de 30 anos de companhia, é um dos que mais vezes foram apresentados dentro do seu período de vida e estamos a contar que continuemos a fazê-lo porque está em repertório”, acrescentou.

O ator e encenador, presidente da Associação Mindelact, diz que vai aproveitar a ocasião para visitar outros atores cabo-verdianos a atuar em Portugal, como Lisa Reis, que está em cartaz com o Teatro Nacional São João, no Porto.

“Ela está no espetáculo de Shakespeare ‘Lear’ e no elenco ela tem um dos papéis principais. É sem dúvida um grande orgulho para o teatro cabo-verdiano e teremos a honra de estar lá para aplaudi-la e mais uma vez assinalar desta forma também a internacionalização do nosso teatro”, concluiu João Branco.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts