FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 22 Abr 2022

MotoGP: Miguel Oliveira procura nova alegria em casa

O português Miguel Oliveira (KTM) procura nova alegria no Autódromo Internacional do Algarve (AIA), em Portimão, onde, no domingo, vai ser disputado o Grande Prémio de Portugal de MotoGP, quinta etapa do campeonato do mundo de motociclismo de velocidade.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

O piloto português chega à quinta das 21 provas do ano na nona posição do campeonato, com 28 pontos, a 33 do líder, o italiano Enea Bastianini (Ducati), já com uma vitória, à chuva, na Indonésia, na segunda etapa.

Além do triunfo em Mandalika, Miguel Oliveira abandonou no Qatar, devido a uma queda, e foi 13.º na Argentina e 18.º nos Estados Unidos, respetivamente.

O piloto natural de Almada, de 27 anos, vai correr pela quarta vez no circuito algarvio na categoria rainha do motociclismo de velocidade.

Na estreia, em novembro de 2020, no encerramento da temporada, e no regresso da competição a Portugal, após oito anos de ausência, venceu, com um ‘grand slam’, juntando a liderança durante toda a prova à ‘pole position’ e à volta mais rápida em corrida.

Depois, em 2021, não foi tão feliz, com o 16.º posto na primeira passagem, em abril, e a desistência, na sequência de uma queda, na segunda, em novembro.

Nesta temporada, apenas Bastianini conseguiu dois triunfos, no Qatar e no Grande Prémio das Américas, numa luta ‘democrática’, com outros dois vencedores, com o espanhol Aleix Espargaró (Aprilia) a juntar-se a Oliveira.

O português tem sofrido com as dificuldades da KTM em garantir aderência das suas motas, no entanto, a qualidade técnica do luso ficou patente na vitória conquistada na Indonésia, debaixo de chuva, cenário que se pode repetir na corrida algarvia, de acordo com as previsões meteorológicas.

Tal como em novembro último, e depois de duas edições sem público, Miguel Oliveira vai voltar a contar com muitos fãs nas bancadas do recinto portimonense – são esperados mais de 60 mil espetadores –, desta vez sem dividir protagonismo com o italiano Valentino Rossi, que se despediu na temporada passada.

Com toda a carreira no MotoGP na KTM, Miguel Oliveira cumpre o último ano de contrato com a marca austríaca, tendo já manifestado a intenção de continuar na equipa, ao serviço da qual já conta quatro temporadas e outras tantas vitórias (Estíria e Portugal, em 2020, Catalunha, em 2021, e Indonésia, em 2022).

O Grande Prémio de Portugal de MotoGP, quinta etapa do Mundial, vai ser disputado entre sexta-feira e domingo, no AIA, em Portimão.

A corrida da categoria ‘rainha’ está marcada para domingo, às 13:00.

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts