FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Outras

26 Jul 2022

PSD propõe a criação de uma Polícia Municipal Vianense

Pedro Xavier

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
Os vereadores do PSD, na reunião da Câmara Municipal de Viana do Castelo realizada esta terça-feira, propuseram a criação de uma Polícia Municipal Vianense. Eduardo Teixeira explicou os seus argumentos ao executivo socialista.

“A propósito de há dias a Câmara Municipal ter contratado uma Empresa de Segurança, para vigilância Humana em eventos, e ser já recorrente esta contratação publica, que custa aos cofres Municipais largas dezenas ou centenas de milhares de euros anuais, abre-se um debate ou consciência publica do questionar a possibilidade, de Viana ter uma Polícia Municipal”, explicou o vereador social democrata.

Teixeira referiu ainda, que “das cinco grandes Cidades do Minho” (Braga, Viana do Castelo, Guimarães, V: N. Famalicão e Barcelos), “Viana do Castelo é a única que ainda não tomou a decisão de a ter ou a constituir. Até Concelhos com cerca de 50.000 habitantes no Minho como Fafe já a tem, e Barcelos tomou a decisão recente de iniciar os procedimentos”, esclareceu.

Na sua intervenção na reunião, Eduardo Teixeira, informou que “das grandes cidades do Litoral Norte, Viana do Castelo é também a única que não tem. Ainda nas últimas reuniões falamos de questões de mobilidade, trânsito e estacionamento, e da necessidade de maior fiscalização e vigilância”.

Teixeira diz que “não está em causa o papel importante da PSP e da GNR na sua ação no nosso Concelho, mas o complemento das suas atividades com uma Polícia Municipal que também responsabiliza o Município Vianense e o poder local instituído”.

“Há inevitavelmente uma necessidade evidente e a proposta agora apresentada de criação de uma Polícia Municipal, para Fiscalização e vigilância do trânsito rodoviário e pedonal nas áreas sob jurisdição municipal.

Deverá assim esta Camara Municipal promover a aprovação em Assembleia Municipal da sua criação, por forma a permitir o dar início aos procedimentos administrativos para a sua criação, através de uma elaboração posterior de uma proposta de um regulamento de funcionamento e organização”.

Questionado pelos jornalistas, no final da reunião sobre este assunto, Luís Nobre, Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo diz que “é uma proposta solta”. Não compreendo como é que se faz uma proposta sem se fundamentar. Já fomos considerada uma das cidades mais seguras do país, e o vereador que faz essa proposta já o reconheceu em várias ocasiões. Neste momento não vislumbro essa necessidade imediata”.

Últimas Noticias

Últimos Podcasts

online casino Portugal