FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Regional

14 Nov 2022

Adega de Monção enlata Alvarinho

Pedro Xavier

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
A Adega de Monção prossegue a sua aposta na inovação, procurando sempre que mais palatos sucumbam à leveza singular do Alvarinho.

O vinho verde tem feito uma viagem notável rumo a uma maior qualidade, a um maior número de consumidores e a um maior reconhecimento pelos enólogos mais conceituados. A Adega Cooperativa de Monção tem sempre viajado na primeira carruagem deste comboio.

Estação importante neste caminho foi a criação de vinho vegan, como tal certificado pela entidade europeia V-Label. Como o destino chamado inovação se encontra sempre mais à frente, a Adega de Monção prossegue agora viagem engarrafando de forma inovadora um vinho 100% Alvarinho, sob a sua marca “Adega de Monção”.

Engarrafando, não, enlatando, pois é disso mesmo que se trata, do primeiro vinho enlatado da Adega e, até, do primeiro vinho monovarietal de toda a sub-região de Monção e de Melgaço a ser enlatado em Portugal.

O Alvarinho Vegan “Adega de Monção” é agora lançado em lata – verde por dentro, azul por fora – apontando à introdução no mercado nacional desta forma menos comum de beber vinho, mas tendo um foco especial destinado à exportação, sobretudo para os mercados escandinavos, onde vinho e lata são um par que conhecem e apreciam há já muitos anos.

“A aposta na venda em latas do nosso Alvarinho “Adega de Monção”, representa mais um sinal da capacidade de criação e de inovação da Adega Cooperativa de Monção, bem como a procura de consolidarmos a nossa presença em mercados externos tão importantes quanto o mercado escandinavo, um mercado que tem um perfil que valoriza o que, sendo bom, é prático também”, sublinha mesmo o Presidente da Direção da Adega de Monção, Armando Fontainhas.

Últimas Noticias

Últimos Podcasts

online casino Portugal