FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Música

30 Dez 2022

“Concertos para Bebés”: O projeto que leva 34 concertos a 5 cidades do país em 2023

Eduarda Alves

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
O projeto "Concertos para Bebés" vai apresentar onze novos programas em 2023, ano em que assinala 25 anos de existência, chegando a cinco cidades nacionais com 34 espetáculos, anunciou a companhia Musicalmente.
Direcionado a bebés dos zero aos três anos, “Concertos para Bebés” é uma proposta para toda a família que em 2023 terá apresentações em Leiria – onde a companhia tem sede – e ainda na Marinha Grande, também no distrito de Leiria, em Coimbra, Sintra, no distrito de Lisboa, e Loulé, no distrito de Faro.

Os onze novos programas contam com instrumentistas, bailarinos e criadores de outras áreas como convidados e têm estreia no início de cada mês no Teatro Miguel Franco, em Leiria.

Depois, os espetáculos dos Concertos para Bebés seguem para o Convento São Francisco, em Coimbra, Teatro Stephens, na Marinha Grande, Centro Olga Cadaval, em Sintra, e Cine-Teatro Louletano, em Loulé.

Na nova temporada, os Concertos para Bebés festejam 25 anos de existência. Entre as comemorações, está previsto um espetáculo inclusivo para bebés com necessidades especiais, a realizar em dezembro, no Teatro José Lúcio da Silva, em Leiria.

A programação de 2023 tem início em janeiro, no dia 8, com “4 cordas, tantos colos”, em Leiria, com a violinista Ana Pereira como convidada. O programa é também apresentado em Coimbra no dia 15.

Em fevereiro os Concertos para Bebés estreiam “Tantas cordas, quanta história”, com harpa e teorba como instrumentos convidados, na interpretação de Ana Castanhito e Helena Raposo. Há quatro espetáculos agendados para Leiria (dia 5), Coimbra (12), Marinha Grande (18) e Sintra (19).

Surma volta a atuar nos Concertos para Bebés em março, com um toque de eletrónica em “História de hoje, futuros de sempre”, no dia 5 em Leiria e no dia 12 em Coimbra.

O fado e a guitarra portuguesa são apresentados em abril aos bebés e às famílias em “Fados futuros, guitarras dolentes”, com Vânia Conde e Ricardo Parreira, em Leiria (dia 2), Marinha Grande (15), Sintra (16) e Coimbra (23).

Um programa visual é a proposta para maio, com uma criação de Inesa Markava e Ana Luísa Cunha, “Duendes em risco, salpicar de bebé”. Há apresentações agendadas para Leiria (dia 7), Coimbra (14), Sintra (21) e Loulé (28).

O tubista Gil Gonçalves é o convidado confirmado para junho, em “Bebé maroto, brincalhão gigante”, em Leiria (dia 4), Coimbra (11) e Marinha Grande (17).

“Gigante loucura, solista endiabrado” junta cordas e dispositivos eletrónicos de Hugo Correia à equipa Musicalmente em julho, para concertos em Leiria (dia 2), Coimbra (9) e Sintra (16).

Após a pausa de agosto, os Concertos para Bebés regressam em setembro com “Novos solistas, lábios que dança”, com protagonismo para Gonçalo de Sousa, que toca harmónica de boca, no dia 3 em Leiria, dia 16 na Marinha Grande, dia 17 em Sintra e dia 24 em Loulé.

Luísa Sobral é já presença regular nos Concertos para Bebés e regressa em outubro com “Dançam palavras, nascem bebés”, em Leiria (dia 1), Sintra (15) e Marinha Grande (21).

Os solistas da Musicalmente saltam para o primeiro plano em novembro com “Bebés somos nós, 25 anos”, no dia 5 em Leiria e dia 19 em Loulé.

A fechar o ano, os Concertos para Bebés põem “25 anjos a cantar o Natal”, convidando o coro Schola no Coração para espetáculos em Leiria (dia 3), Marinha Grande (16) e Sintra (17).

Últimas Noticias

Últimos Podcasts

online casino Portugal