FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR

Regional

08 Jul 2024

Câmara de Viana dá 50 mil euros a “Jovens com Talento”

Duarte Lago

Acessibilidade

T+

T-

Contraste Contraste
Ouvir
A Câmara Municipal de Viana do Castelo anunciou este domingo os vencedores do concurso “Viana Jovens com Talento”, numa cerimónia que integrou as “Conversas Marginais”, no Jardim Público, no âmbito do festival “Marginal”. Nesta edição, que contava com uma dotação orçamental de 50 mil euros, foram apresentadas 19 candidaturas e selecionados quatro projetos vencedores.

O 1.º lugar foi atribuído ao projeto “Lar doce ler”, com um orçamento de 6 mil euros, projeto que surge da vontade de circular pelos lares e centros de dia de Viana do Castelo, testando a intemporalidade e intergeracionalidade de algumas histórias infantojuvenis – e assim juntar miúdos e graúdos, avós e netos, na hora da história.

“Lar doce Ler” propõe-se a percorrer 30 lares e centros de dia das 27 freguesias e uniões de freguesias de Viana do Castelo, entre 1 e 30 de setembro de 2025. De 1 a 5 de outubro do próximo ano, o projeto surge com uma programação aberta a público geral, mas especialmente dedicada a avós e netos, com a apresentação dos cinco espetáculos na Sala Experimental do Teatro Municipal Sá de Miranda.

O 2.º lugar, com dotação de 20 mil euros, foi atribuído a “Rua Malandra”, projeto de ocupação artística da Rua dos Manjovos e do Espaço Antro. Pretende-se afirmar como um espaço de criação e investigação artística transdisciplinar (música, dança, artes plásticas, multimédia), oferecendo uma programação artística plurivalente que inclui residências artísticas, performances, exposições, oficinas, ciclo de conversas e ‘jam sessions’. De fevereiro a julho de 2025, a Rua Malandra apresenta-se como uma experiência de criação e programação de carácter laboratorial, questionando formas de habitar e transformar a rua através de práticas artísticas e culturais.

O 3.º lugar, com dotação de 15 mil euros, foi atribuído ao projeto “Cara à Vela”, onde serão selecionadas 10 personalidades ligadas ao mar e ao rio, de áreas distintas: pescadores, peixeiras, velejadores, carpinteiros navais, remadores, marinheiros, canoístas, etc. A todas as pessoas será feita uma entrevista de vida com o objetivo de recolher a história pessoal de cada uma e conhecer aquilo que as liga ao mar e ao rio.

Serão também convidados dez ilustradores a participar no projeto. Os convites serão distribuídos entre ilustradores e outros, de talento reconhecido, de forma a promover o contacto entre artistas. Cada ilustrador ficará responsável por uma das pessoas entrevistadas, retratando-a com uma ilustração feita numa vela real de Optimist (veleiro pequeno para crianças entre os sete e 15 anos).

Tendo as dez velas com as ilustrações prontas, o projeto culmina com uma regata de celebração no rio Lima. As dez velas serão armadas em dez barcos Optimist, governados por dez crianças/atletas. No dia da regata será promovido de festival à volta da ilustração com atividades, oficinas, bancas de artistas, celebrando assim a água e o vento que nos unem.

Já o 4.º lugar vencedor foi atribuído ao projeto “Semente”, com dotação orçamental de 9 mil euros, que pretende ser uma oficina de criação entre as duas principais escolas secundárias de Viana do Castelo – Santa Maria Maior e Monserrate -, propondo a atividade a criação de duplas entre alunos das duas escolas, para, em conjunto, serem desafiados a criar uma obra. O projeto, em colaboração com um professor de cada instituição, propõe uma oficina semanal de criação, como uma atividade extracurricular em que os alunos inscritos desenvolvem criações próprias.

Finalmente, as obras resultantes, que podem assumir diferentes formatos, integram a programação do evento Semente, expostas no Jardim Público (Jardim do Girassol). Um workshop de orientação, em cada escola, dedicado a metodologias de criação. No dia do evento, a arte sai à rua e o público é convidado a percorrer os vários locais do centro da cidade, afetos ao evento, desfrutando da programação que inclui atividades contínuas e pontuais.

Nesta edição foi ainda atribuída uma menção honrosa ao “VIASTUCCO”, que pretende sobrelevar o papel do designer, através do matrimónio entre o design e os materiais, na criação de novas soluções sustentáveis, que promovam impacto na reinterpretação de um cenário vertical, sob a forma de painéis modulares de parede. O projeto parte de uma problemática fundamental relacionada com a poluição marítima (com foco em desperdícios da atividade piscatória, nomeadamente as redes de pesca).

“Viana Jovens com Talento” é uma iniciativa do Município que tem como objetivo dar oportunidade aos jovens vianenses para apresentar projetos onde o talento e a imaginação são palavras-chave, tendo como Viana do Castelo a sua fonte de inspiração.

O concurso aceitou projetos diretamente relacionados com diferentes expressões artísticas, permitindo dar asas à imaginação, tendo sido aceites candidaturas de jovens residentes em Viana do Castelo, com idades compreendidas entre os 18 e os 35 anos.

Últimas Noticias

Últimos Podcasts